São Paulo – O São Paulo deve concluir a venda do argentino Ricardo Centurión para o Genoa nos próximos dias. O atacante embarcou nesta terça-feira para a Itália para realizar exames médicos, o último passo antes da concretização do negócio.
A oferta do time italiano foi maior que os valores oferecidos pelo Boca Juniors, que contou com o atacante por empréstimo nos últimos doze meses. A negociação gira em torno de US$ 6 milhões (cerca de R$ 19 milhões).

Dono de 70% dos direitos econômicos, o São Paulo receberá R$ 13,3 milhões. A quantia é superior aos US$ 4 milhões (R$ 13 milhões na época) que o São Paulo investiu em sua contratação, com a ajuda de Vinicius Pinotti, hoje diretor de futebol.

O São Paulo ainda ficará com 10% dos direitos em caso de uma negociação futura. O restante do dinheiro fica com o Racing, detentor dos 30% restantes (R$ 5,7 milhões).

Se confirmada, esta será a segunda passagem de Centurión pelo Genoa. A primeira foi entre 2013 e 2014, por empréstimo. No retorno, ele foi campeão argentino pelo Racing e contratado pelo São Paulo. A passagem pelo Morumbi, entre 2014 e 2015, resultou em 81 jogos, com oito gols e nove assistências.

Estadão Conteúdo